Exercícios para o cérebro: como exercê-lo facilmente

Estima-se que, aproximadamente, nosso cérebro contém cerca de 100.000 milhões de neurônios, que estabelecem entre eles, por sua vez, bilhões de conexões. É, portanto, uma "ferramenta" altamente avançada que, entre outras funções importantes, é responsável por regular e controlar a maioria das funções não apenas do nosso corpo, mas também da nossa própria mente. Por essa razão, é essencial manter uma boa saúde cerebral, tentando exercê-la e treiná-la todos os dias.

Graças ao que é medicamente conhecido como plasticidade neuronale à própria capacidade do cérebro de reforçar conexões antigas e estabelecer novas, é possível melhorar nossa capacidade cognitiva, não apenas por meio de estimulação cognitiva, mas por meio de treinamento com exercícios especialmente elaborados para esse fim.

Devido a essa plasticidade cerebral, é possível incentivar a criação de novos circuitos e sinapses neuronais que ofereçam a possibilidade de reorganizar e recuperar funções, especialmente no caso de lesões ou distúrbios que tenham danificado algumas partes do cérebro. Nesse sentido, a estimulação cognitiva tornou-se uma opção realmente interessante, especialmente em patologias que danificam o sistema nervoso, como Parkinson ou Alzheimer.

Felizmente, há uma série de exercícios que ajudam de forma muito positiva ao treinar nosso cérebro com facilidade, e também nos ajuda quando nos exercitamos em casa. Você quer descobrir o que são?

4 exercícios úteis para treinar o cérebro com facilidade e em casa

1. Treine sua memória memorizando

Para desfrutar de uma boa memória é necessário treinar o cérebro e exercitá-lo, o que nos ajudará de maneira muito positiva quando se trata de memorizá-lo melhor e retê-lo.

Um exercício extremamente simples é aquele que memorizar números de telefone. Por exemplo, pegue o diário do telefone ou o celular e tente memorizar os números de telefone mais importantes para você, caso ainda não os saiba de cor.

Além de exercitar seu cérebro, ele irá ajudá-lo positivamente quando você precisar ligar para essas pessoas e não ter sua lista telefônica ou telefone por perto.

2. Pratique o 'portão cruzado'

Há um exercício extremamente simples e fácil de praticar, mas proporciona benefícios incríveis quando se trata de exercitar o cérebro. Você sabe o que é isso? É o que é conhecido como o exercício de 'gateo cruzado', e é muito fácil de praticar.

Você só precisa tocar o joelho direito com o cotovelo esquerdo e vice-versa.Claro, é aconselhável fazê-lo com energia e rapidez.

3. a coruja

Com esse nome curioso, encontramos outro maravilhoso exercício especialmente desenvolvido para treinar nosso cérebro. Além disso, é muito útil - e recomendável - quando sentimos tensão no pescoço e nos sentimos nervosos, oprimidos ou estressados.

Em que consiste? Coloque a mão esquerda no ombro direito, apertando-a com firmeza. Vire a cabeça para esse lado enquanto você respira profundamente. Prenda a respiração, mantendo o ar em seus pulmões. Então ele vira a cabeça para o ombro oposto, expelindo o ar. Faça o mesmo, mas no lado oposto.

4. Desenhe com as duas mãos ao mesmo tempo

Isto é o que é comumente conhecido como a técnica ou exercício de 'Rabiscar duplo'. Basicamente consiste em pegar um papel e uma caneta ou lápis com cada mão, e começar a desenhar usando as duas mãos ao mesmo tempo, fazendo rabiscos e movendo-se ao longo de todo o papel.

Desta forma, não apenas exercitaremos nosso cérebro, mas estimularemos as habilidades motoras finas e a escrita em si.

E finalmente: pratique exercício físico

Embora não seja um exercício específico para o cérebro, a verdade é que o exercício físico em geral nos ajuda ao exercitar nosso corpo em sua totalidade. Ou seja, ajuda a melhorar de forma muito positiva a condição física do nosso cérebro, graças ao fato de que ajuda a criar novas conexões neuronais (de uma maneira muito mais rápida), e contribuímos com algo muito valioso para o seu correto funcionamento: o oxigênio.

Na verdade, serve com qualquer tipo de exercício físico, embora a chave seja ser um tipo de exercício aeróbico, em que o oxigênio é necessário acima de tudo para ser capaz de fazê-lo. Idealmente? Pratique por pelo menos 30 minutos todos os dias. Este artigo é publicado apenas para fins informativos. Não pode e não deve substituir a consulta com um médico. Aconselhamo-lo a consultar o seu Trusted Doctor. TemasExercício

Exercitar o cérebro: conheça duas atividades (Março 2019)