Mel de lavanda, benefícios e propriedades

Em outros artigos da NatureVia, informamos sobre os benefícios e propriedades que a mel Contribui para o nosso organismo, aquele excelente produto fabricado pelas abelhas e que o homem ainda não conseguiu produzir.

O mel em si nos dá muitos benefícios, nos ajuda a fortalecer nosso sistema imunológico, nos ajuda a combater a fadiga e fadiga, é uma contribuição de energia, alivia tosse e dor de garganta, é anti-séptico e regenerativo, também ajuda na cicatrização de feridas.

Variedades de mel são muitas e, dependendo do tipo de flor de onde provêm, são atribuídas algumas propriedades ou outros benefícios. Os méis que vêm de um único tipo de flor são chamados de mel monofloral.

O que é mel de lavanda? Em que consiste?

O mel de lavanda ou mel de lavanda é produzido pelas abelhas a partir do néctar das flores de Lavanda Angustifolia Mili e Lavándula Latifolia Hill. Essas flores são muito aromáticas e, a partir delas, as abelhas produzem um excelente e excelente mel.

Tão requintado quanto sutil, podemos descrever o mel de lavanda e devo confessar que foi uma descoberta para nós.

Estas plantas também são conhecidas como lavanda e mel de lavanda que podemos encontrar no mercado vem de diferentes áreas da Espanha, como Aragão, Catalunha, Valência, Castela, Leão ou Castilla La Mancha, onde esta flor cresce nos campos abundantemente.

Ela cresce em lugares ensolarados, nos meses de verão entre julho e agosto, as cores das flores de lavanda são azuis e violetas, portanto, podemos encontrá-los dessas duas cores.

A flor de lavanda ou lavanda é muito aromática, portanto, este mel emite um cheiro sutil de lavanda.

A cor do mel é geralmente clara, podemos encontrá-los em âmbar claro ou branco, com um sabor doce, sua textura é de cristalização média e consistência fluida.

Descubra os benefícios e propriedades do mel de lavanda

As propriedades desta planta são conhecidas desde a antiguidade e desde então foram usadas como remédio caseiro para curar doenças ou condições causadas por resfriados e também para a saúde da garganta.

Atualmente, seus benefícios e propriedades foram transferidos de geração em geração, e seu uso e consumo são atualmente aconselhados a tratar e curar outras condições do trato respiratório quanto a doenças dos brônquios, por constipações, tosse e congestão das vias aéreas, por picadas de insetos, queimaduras superficiais e por feridas superficiais.

O mel de lavanda é considerado um excelente antisséptico para os brônquios e pulmõesOutras propriedades como diurético, sudorífico, bactericida, anti-infeccioso e antidiarréico são também atribuídas a ele.

Conselhos na compra de mel de lavanda

Ao comprar mel de lavanda ou qualquer outro tipo de mel, é melhor escolher méis de pequenos produtores e, se eles não estiverem ao nosso alcance, procurar os méis que vêm com a rotulagem AB no mercado, essa rotulagem indica que A proveniência é de origem orgânica ou agricultura biológica.

Temos também de olhar para o rótulo, que deve incluir os dados do produtor, vendedor, embalador, bem como a identificação geográfica ou botânica de onde o produto vem.

Como preservar o mel de lavanda

O mel deve ser protegido da luz, o melhor lugar, um armário ou despensa. A temperatura ideal para sua conservação é entre 15º C e 20º C.

Não devemos guardá-lo na geladeira, porque o frio faz com que o mel se cristalize. Uma vez que a abrimos, devemos nos certificar de fechá-la novamente para que fique bem e não perca seus ingredientes ativos.

Os méis geralmente vêm com uma data de consumo, embora essa data seja apenas uma indicação, pois os méis não estragam. Com o passar do tempo, eles tendem a cristalizar, mas não estragam. Este artigo é publicado apenas para fins informativos. Você não pode e não deve substituir a consulta com um nutricionista. Aconselhamo-lo a consultar o seu nutricionista de confiança. TemasAdoçantes

Benefícios e propriedades da planta rosmaninho (Pode 2019)