Dor testicular

Ao contrário do que acontece com os ovários e particularmente com a dor no ovário (uma vez que eles tendem a não ser órgãos com sensibilidade, de modo que não causam dor), testículos eles são muito sensíveis, o que significa que qualquer lesão ou derrame, por menor ou menor que seja, pode causar dor. Como você certamente sabe, os testículos são as gônadas masculinas, que são de grande importância no desenvolvimento sexual, e têm duas funções principais: são co-produtores de esperma e hormônios sexuais (principalmente testosterona, responsável por regular o desenvolvimento sexo em homens, o nível de desejo e função sexual em si).

Nós os encontramos dentro do escroto e consistem em um par de bolas cujas dimensões tendem a ter cerca de 5 centímetros de comprimento por 3 de largura. Embora tenham um tamanho bastante semelhante, é comum que um testículo fique um pouco mais do que o outro.

Como os testículos são uma das áreas mais delicadas do corpo do homem, Eles são extremamente sensíveis ao toque e pressão. Portanto, o escroto tem uma função muito importante: protegê-los não apenas das mudanças de temperatura, mas também dos impactos físicos.

Sintomas de dor testicular

O principal sintoma é sentir desconforto em um ou nos dois testículos. Essa dor pode irradiar até a parte inferior do abdômen. Basicamente, podemos resumir o sintomas de dor testicular na seguinte seção:

  • Desconforto ou dor em um ou ambos os testículos.
  • Náusea e tontura, como resultado da dor.
  • Dor que irradia para a parte inferior do abdômen.

Causas da dor testicular

Existem várias causas que podem causar o aparecimento de dores testiculares, algumas muito comuns e habituais, e outras nem tanto:

  • Lesão testicular.
  • Batida testicular, geralmente na prática esportiva.
  • Varicocele: veias dilatadas no escroto.
  • Epididimite: infecção ou inflamação dos ductos espermáticos.
  • Orquite: infecção ou inflamação dos testículos.
  • Torção testicular: torção dos testículos que causa a interrupção do suprimento sanguíneo.
  • Espermatocele: cisto no epidídimo. Muitas vezes contém espermatozóides mortos.
  • Pedras nos rins: dor nos rins se estende para a área escrotal.
  • Hérnia inguinal: defeito muscular na virilha, que afeta o escroto.

Embora o câncer testicular possa causar dor, na maioria dos casos é indolor. Por isso, é sempre recomendável sentir os testículos pelo menos uma vez por ano, como forma de prevenção. E no caso de você encontrar uma pequena bola ou protuberância, vá rapidamente ao urologista. Se a dor testicular não desaparecer após uma hora ou tender a ser muito forte, é aconselhável ir à sala de emergência ou ao seu urologista.

Por que a dor do testículo aparece?

Devemos ter em mente que os testículos não são protegidos por músculos ou ossos, como acontece com outros órgãos do nosso corpo. Portanto, eles podem sofrer lesões, seja quando o homem pratica um esporte ou devido a um golpe acidental.

Embora os golpes leves sejam muito dolorosos, geralmente não deixam nenhum tipo de seqüela, graças ao tecido esponjoso do qual os testículos são capazes de absorver o golpe.

Também é possível sentir náuseas ou tonturas devido à dor sentida pelo golpe ou pelo impacto, mas geralmente a dor tende a desaparecer pouco a pouco, após uma hora.

O que fazer para aliviar a dor dos testículos?

Quando a dor dos testículos não é urgente, uma vez que foi causada por algumas lesões menores (como ter dado um leve golpe) ou pelo acúmulo de líquido, pode ser interessante saber como aliviar a dor dos testículos. As dicas básicas a seguir podem ajudá-lo:

  • Aplicação de gelo: aplicar um pouco de gelo no escroto ajuda a reduzir a inflamação e reduzir a dor. Claro, você deve ter cuidado para não se queimar.
  • Banhos quentes: são igualmente úteis para reduzir e acalmar a inflamação.
  • Analgésicos: embora, neste blog, não se recomende a automedicação, certos analgésicos de venda livre, como o paracetamol ou o ibuprofeno, podem ser úteis.

Se a dor testicular não desaparecer após uma hora, ou tende a ser muito forte, é aconselhável ir à sala de emergência ou ir ao seu urologista. O mesmo acontece se a dor testicular for abrupta e intensa, o que pode ser produzido por uma torção aguda do testículo, que deve ser diagnosticada e resolvida nas primeiras seis horas, pois, caso contrário, existe o risco de o paciente perde o testículo porque o sangue não alcança esse órgão.

Como a causa da dor testicular é diagnosticada?

Se a dor não desaparecer e você for a um centro médico, o especialista fará primeiro um exame visual, seguido por uma palpação com a mão, o que permitirá examinar a presença de possíveis protuberâncias suspeitas e ajudará a saber quais áreas doem mais ou menos . Essa análise também oferece a possibilidade de descobrir se a dor vem dos próprios testículos, do escroto, do pênis, do abdome ou da virilha.

Outros testes e análises também podem ser realizados:

  • Urina e exames de sangue: são úteis para determinar a presença ou não de qualquer infecção viral ou bacteriana.
  • Ultrassonografia testicular: oferece a possibilidade de avaliar se há problemas sanguíneos, anomalias anatômicas, ruptura testicular, hérnias inguinais, tumores, acúmulo de sangue ou pus.
  • Ultrassonografia testicular: útil para avaliar se há epididimite.

Além disso, existem outros testes que são um pouco mais complexos, mas igualmente úteis:

  • Gammagrafia: ajuda a saber como o sangue circula pelos ductos testiculares.
  • Exame nuclear: ajuda a saber se há torção testicular.

Imagem | Guzmán Lozano Este artigo é publicado apenas para fins informativos. Não pode e não deve substituir a consulta com um médico. Aconselhamo-lo a consultar o seu Trusted Doctor.

Dor testicular: CAUSA MAIS FREQUENTE! (Junho 2019)