O que é maltitol, onde encontrá-lo e efeitos na saúde

Você sabia que o maltitol É um adoçante amplamente utilizado na preparação de bolos, doces e produtos doces? Seu uso é muito útil em padarias e confeitarias, principalmente quando fazer doces sem açúcar ou preparado para diabéticos.

Como aditivo, é conhecido pelos nomes E 965 i(maltitol) ou E 965 ii(xarope de maltitol), e é conhecido precisamente como o volume ou adoçante de carga, uma vez que tem o mesmo volume que a sacarose. No entanto, ao contrário deste, na verdade, contribui com metade das calorias.

O que é o maltitol?

O maltitol é um adoçante usado como substituto da sacarose, o açúcar comum tradicional (também conhecido como açúcar de mesa, isto é, o açúcar branco usual). Também é chamado com o nome de poliol, uma vez que consiste em um álcool de açúcar.

Ou seja, nos deparamos com um adoçante que é sintetizado a partir da hidrogenação da maltose obtida a partir do amido. É muito semelhante à sacarose, tornando-se um adoçante de qualidade porque pode ser usado sem a necessidade de ser misturado com outros, comparado a outros álcoois de açúcar.

Ideal: Panela, benefícios e propriedades do melhor adoçante natural

Faz parte da família de adoçantes conhecida como álcoois de açúcar o polióis. Além disso, é comumente utilizado na produção de doces e bolos, pois não afeta o sabor dos produtos, além de ser bem tolerado por pessoas com diabetes.

Por esta razão, encontramos especialmente em produtos originalmente doces, mas sem açúcar e especialmente preparados para diabéticos.

Por que é usado em doces sem açúcar e para diabéticos?

Trata-se de um adoçante que de forma habitual pode encontrar em doces e bolos sem açúcar, e especialmente, naqueles elaborados especificamente para pessoas com diabetes. Por quê? Fundamentalmente porque é um adoçante bem tolerado para diabéticoscomo ele tende a ser absorvido lentamente, o que significa que o aumento nos níveis de glicose e insulina no sangue são significativamente reduzidos em comparação com outro adoçante.

Por outro lado, é um adoçante com baixo valor calórico; Especificamente, ela contribui com metade das calorias do açúcar comum, de modo que se torna uma opção interessante para aqueles que seguem uma dieta para perda de peso, ou, obviamente, para aqueles que sofrem de diabetes.

As vantagens do maltitol

Há uma série de benefícios e vantagens oferecidas pelo uso de maltitol para adoçar certos produtos e alimentos. Por exemplo, substituir o açúcar branco pelo maltitol ajuda a evitar fígado gordurosoquando é causada por um excesso de açúcar. É o que acontece com o fígado gorduroso não alcoólico, que é o que aparece sem ter consumido álcool.

Além disso, É usado com segurança em pessoas com diabetes porque sua resposta glicêmica é menor, por isso tende a elevar os níveis de glicose no sangue mais lentamente.

Por outro lado, por não ser metabolizado pelas bactérias presentes em nossa boca, não promove o aparecimento de cavidades, pode até ajudar a reduzir seu risco.

Onde encontrar e como?

Se você está interessado em saber quais alimentos ou alimentos podem conter maltitol, a verdade é que, na realidade, qualquer doce sem açúcar ou qualquer alimento doce para diabéticos pode conter. Embora seja possível que outros adoçantes sejam usados ​​hoje mais conhecidos e populares como poderia ser o caso da estévia ou o panela, é bastante provável que o maltitol seja usado em sua maior parte.

Mas como podemos encontrá-lo na rotulagem desses alimentos? Neste caso, é possível encontrá-lo de muitas maneiras diferentes:

  • Sob a forma de maltitol ou xarope de maltitol.
  • Sob a forma de um aditivo. Se assim for, podemos encontrar a denominação E 965 i (maltitol), ou E 965 ii (xarope de maltitol).

Efeitos colaterais do maltitol e efeitos na saúde

Embora em doses normais, não costuma causar problemas, em altas doses pode apresentar efeito laxante. Por esta razão, é comum encontrar na rotulagem dos alimentos se esse produto alimentar contém maltitol. E nos Estados Unidos, por exemplo, deve-se notar no rótulo que não é aconselhável consumir mais de 100 gramas por dia de maltitol.

No entanto, aqui estão os principais efeitos colaterais do maltitol:

  • Diarréia:Por causa de seu efeito laxante, é um adoçante cujo consumo deve ser sempre moderado. Portanto, os níveis de maltitol em relação ao seu consumo dependerão da idade da pessoa. Assim, não é aconselhável que as crianças consumam mais do que 15 gramas por dia, enquanto nos adultos a diarreia pode aparecer com 50 gramas por dia (especialmente em algumas pessoas).Outras fontes, comoRevista Européia de Nutrição Clínica, apontam que a diarréia pode aparecer como conseqüência de um consumo diário entre 60 a 90 gramas em adultos.
  • Dor de estomago:O consumo regular de alimentos com maltitol pode causar dor abdominal e no estômago.
  • Gases e flatulência:Uma vez que consumimos maltitol, é hidrolisado em glicose e sorbitol. Se levarmos em conta que a glicose é facilmente absorvida, mas parte do sorbitol não é, é comum que também cause gases e flatulência.

Portanto, como vemos, seu consumo deve ser sempre moderado, e devemos evitar o consumo excessivo para evitar possíveis riscos e efeitos colaterais indesejados. Este artigo é publicado apenas para fins informativos. Você não pode e não deve substituir a consulta com um nutricionista. Aconselhamo-lo a consultar o seu nutricionista de confiança. TemasAdoçantes

Melhores tipos de Adoçantes Naturais | Adoçantes: Quanto, Quais e Porque pt. 3/3 (Março 2019)