Saúde do coração: como cuidar e doenças comuns

O coração é um órgão vital e indispensável para a vida. Apesar de sua tremenda importância, muitas vezes tendemos a esquecê-lo, e não nos lembramos até que alguma desordem ou patologia o afete (na maioria dos casos, quando sua saúde já está debilitada e já é tarde demais). Felizmente, podemos desfrutar de boa saúde, tanto cardiovascular quanto cardíaca, seguindo uma série de dicas simples e fáceis de seguir todos os dias.

Basicamente É o principal órgão do nosso sistema circulatório. Ao contrário de outros órgãos, é um órgão muscular. Encontramos localizado na cavidade torácica, especificamente no lado esquerdo da caixa torácica. Embora o seu tamanho e peso possam variar ligeiramente de uma pessoa para outra, normalmente tende a medir cerca de 15 centímetros e pesa cerca de 325 gramas.

Ela exerce uma função vital para o nosso organismo: É responsável por conduzir o sangue através dos diferentes vasos sanguíneos para que alcance todos os órgãos do nosso corpo. Isto é, é responsável por bombear sangue para todos os cantos do nosso corpo. Para conseguir isso, o coração se contrai (sístole) e relaxa (diástole) ritmicamente para conduzir o sangue pelos vasos sangüíneos.

  • Efeitos da hipertensão no coração O coração hipertenso

Dicas úteis para cuidar do seu coração todos os dias

Controle suas emoções e fique longe da ansiedade e do estresse

Aqueles que vivem de forma relaxada, calma e relaxada costumam gozar de boa saúde cardiovascular. Pelo contrário, aqueles que vivem estressados ​​e sobrecarregados todos os dias tendem a ter um risco maior de sofrer de doenças cardíacas. Como demonstrado cientificamente, sabe-se que a ansiedade pode desencadear o risco de ter um ataque cardíaco nas horas após ter sofrido com alguma intensidade.

O mesmo acontece com certas emoções que na verdade tendem a prejudicar nossa saúde emocional e física, e podem desestabilizar nosso coração de uma maneira muito negativa. É o caso de emoções tão negativas quanto raiva, tristeza ou raiva.

A chave é, como vemos, tentar aproveitar a vida de forma relaxada e relaxada, tentando não ficar com raiva e especialmente longe da ansiedade e do estresse. Uma boa maneira, como veremos abaixo, é praticar algum relaxamento ou algum outro tipo de técnica ou exercício que nos ajude a ficar mais relaxados.

Pratique algum relaxamento

Aqueles que praticam alguma técnica ou método de relaxamento geralmente desfrutam de uma vida muito mais tranquila e relaxada; Eles até veem os problemas e as tensões nervosas do dia a dia de uma maneira totalmente diferente.

Apenas pratique 30 minutos de relaxamento todos os dias. E para praticar, é necessário apenas desfrutar de alguns minutos de tranquilidade, nos colocar em um lugar confortável, fechar nossos olhos e tentar nos concentrar em nossa própria respiração, movendo os pensamentos negativos de nossa mente e nos concentrando em uma situação que nos causa prazer. Praticando pouco a pouco, em poucos dias, você observará seus incríveis benefícios.

Cuide da sua dieta: os alimentos vegetais são melhores. Coma menos carne

Aqueles que seguem uma dieta vegetariana ou vegana tendem a ter menos problemas cardíacos, principalmente porque sua dieta é baseada no consumo de alimentos frescos de origem vegetal, com alto teor de vitaminas, minerais, antioxidantes e outras substâncias benéficas para o corpo.

Além disso, sabe-se que aqueles que consomem carne (principalmente carne vermelha) apresentam maior risco de doença cardíaca, uma vez que tendem a apresentar níveis mais elevados de colesterol.

Portanto, a chave não é apenas aumentar o consumo de alimentos vegetais e tentar comer menos carne vermelha. Nós também temos que controlar nossos níveis de colesterol, especialmente se temos o colesterol altoporque, se ultrapassarmos os 240 mg / dl de colesterol elevado, dobraremos o risco de sofrer um ataque cardíaco.

Devemos também, sim, controlar nossos níveis de colesterol HDL, também conhecidos como bom colesterol. Idealmente, sua figura deve estar acima de 40 mg / dl.

  • Alimentos saudáveis ​​para o coração: o melhor para o seu coração

Quais são as principais doenças cardíacas?

Antes de falar sobre as principais doenças que afetam o coração, devemos ter em mente que, juntamente com o coração, o sistema circulatório funciona como um sistema real que se estende por todo o corpo.

Por essa razão, quando uma doença afeta o coração, também afeta todo o organismo. E por esse motivo doenças do coração também são medicamente conhecidas como doenças cardiovasculares.

  • Endocartite:Doença infecciosa que causa inflamação do revestimento interno das válvulas e cavidades cardíacas, especialmente por bactérias que crescem formando estruturas (vegetações). Se não for tratada rapidamente, pode danificar as válvulas cardíacas de forma irreversível.
  • MiocarditeInfecção viral que causa inflamação do miocárdio, que resulta em diminuição da força de contração do coração.
  • Pericardite:Causada por uma infecção viral, provoca inflamação, que pode fazer com que o líquido entre nas camadas do pericárdio, comprometendo seriamente o bom funcionamento do coração, pois pode causar a formação de aderências e cicatrizes.
  • Angina do peito:Causada por um suprimento insuficiente de sangue para o músculo cardíaco.
  • Infarto cardíaco:Doença coronariana grave que pode causar necrose miocárdica. Uma estenose coronária se desenvolve primeiro, deixando o pericárdio bloqueado, o que causa dor severa no coração.
  • Arritmia:É um distúrbio do ritmo cardíaco produzido pelo mau funcionamento da coordenação da atividade elétrica do batimento cardíaco.
  • Insuficiência cardíaca:Ocorre quando o coração é incapaz de bombear quantidades adequadas de sangue para o corpo, não sendo capaz de fornecer oxigênio e nutrientes necessários. Pode desenvolver devido a qualquer dano ao coração.
Este artigo é publicado apenas para fins informativos. Não pode e não deve substituir a consulta com um médico. Aconselhamo-lo a consultar o seu Trusted Doctor. TemasCoração

✅ DEZ SINTOMAS DE DOENÇAS CARDÍACAS QUE IGNORAMOS (Janeiro 2022)